quarta-feira, 8 de junho de 2011

VINHO NOVO

“Disse-lhes Jesus: enchei d’água essas talhas. E encheram-nas até em cima.” (Jô 2.7)

No livro de João 2.1-11 podemos observar que o primeiro milagre de Jesus foi realizado justamente em um casamento. Com isso, Jesus quer nos mostrar, que antes de realizar qualquer outro milagre (cura, libertação, etc.), Ele deseja agir no casamento. Deus tem interesse no casamento; a família tem prioridade no plano de Deus. O Senhor criou a família para ser bem sucedida e não para fracassar.

Interessante que o milagre ocorreu no fato do vinho ter terminado. O vinho na Bíblia é símbolo de alegria (“E o vinho que alegra o coração do homem...”Sl 104.5). Inúmeros casamentos têm se desmoronado porque o vinho acabou. Casais que viviam embriagados de amor um pelo o outro assistem seus sentimentos desvanecer-se.

Aquele casal convidou Jesus para estar presente nas suas bodas, não foi um chamado de última hora ou porque estivessem com problemas, mas, porque foi chamado para estar junto operou o milagre. Sua presença não impediu que as dificuldades surgissem, entretanto ela fez toda a diferença. O Filho de Deus tem o poder de trazer vinho novo onde não existe mais. Se você quer um casamento de qualidade, que sobreviva à falta de vinho (alegria), que seja forte diante dos problemas, tenha a mesma atitude desse casal e convide Jesus para fazer parte de sua vida.

Não espere a crise chegar. Cultive a presença do Senhor por meio da oração, da meditação da Palavra. Não apenas leia, mas coloque-a em prática, obedeça! O milagre só acontece onde há obediência. Maria disse aos serventes que fizessem tudo que Ele mandasse; e porque fizeram sem questionar, se era coerente ou não, o milagre aconteceu.

Havia seis talhas (v.6) e O Mestre mandou que as enchessem de água que se transformou em vinho. As talhas, o recipiente usado para receber o vinho, eram pedras trabalhadas, cortadas. Jesus quer nos ensinar o quanto somos duros em nossos relacionamentos e da necessidade que temos de deixarmos ser trabalhados por Deus na nossa maneira de ser e de agir.

 A água era a matéria prima para que o milagre acontecesse. As talhas estavam vazias e Cristo ordenou que as enchessem. Nas Escrituras, água é símbolo do Espírito Santo e da Palavra. Aprendemos aqui que há muitos relacionamentos onde o vinho acabou. O prazer e a alegria desapareceram devido à falta de água, ou seja, não existe mais o cultivo diário da presença de Deus por meio de Sua Palavra lida e praticada, não há busca pela Espírito Santo.

O Senhor Jesus transformou água em vinho da melhor qualidade. Nosso Mestre e Sua Palavra geram mudanças na nossa vida, no nosso lar, no nosso negócio e em tudo o mais que precise ser transformado.

Deus tem poder para fazer maravilhas e quando o faz, o que experimentamos é algo melhor e superior a qualquer outra coisa que tenhamos vivenciado. Deus sempre nos dá o melhor. Por isso, permita que Ele seja não só o criador do matrimônio, mas, Aquele que tem e oferece toda a manutenção e sustentação.

Se você reconhece que o vinho acabou (ou está acabando) no seu casamento, convide Jesus Cristo para estar no seu lar. Pratique a Sua Verdade e receba a benção de ter um lar melhor e o Nome de Jesus sendo  glorificado.


Um dia de paz  e muitas alegrias!!!

2 comentários:

  1. Oi Val...

    Que mensagem profunda hein.
    Achei super interessante, porque realmente muitos casais ao enfrentarem problemas em casa, acabam se esqueçendo de renovar o calice, enchendo de vinho novo. Esse vinho representa a presença de Jesus em nossos lares.

    É preciso estar atento a todo momento na quantidade deste vinho sobre nosso lar, pois muitos casais, inclusive cristãos, não renovam este vinho e acabam com a base dos seus casamentos, resultando assim com separações prematuras.

    Um abração Val...

    Bjus!!!
    Jaque

    ResponderExcluir
  2. Texto mto edificante mae.
    Deus te abençoe!

    ResponderExcluir